24 novembro, 2008

Em honra de uma amiga...




Se hoje fosse o teu último dia

O meu melhor amigo deu-me um óptimo conselho
Ele disse que cada dia é um presente, não um facto adquirido,
Não deixes pedra por virar
Deixa os teus medos para trás
E tenta seguir pelo caminho menos viajado
O primeiro passo que dás é o maior de todos.

Se hoje fosse o teu último dia
Se amanhã fosse tarde demais
Poderias dizer adeus ao ontem?
Viverias cada momento como se fosse o último?
Deixarias velhas fotos no passado?
Doarias cada centavo que tens?
Se hoje fosse o teu último dia

Andar contra a maré deveria ser um modo de vida
O que vale o preço sempre vale a luta
Cada segundo conta porque não há segunda chance
Por isso viva como se não tivesse uma segunda vez
Não siga o caminho mais fácil na sua própria vida

Se hoje fosse o teu último dia
Se amanhã fosse tarde demais
Poderias dizer adeus ao ontem?
Viverias cada momento como se fosse o último?
Deixarias velhas fotos no passado?
Doarias cada centavo que tens?
E ligarias para todos os teus velhos amigos que nunca vês?
Recordando velhas memórias
Perdoarias os teus inimigos?
Encontrarias com quem sonhas?
Jura por Deus
Que finalmente te apaixonarias
Se hoje fosse o teu último dia

Se hoje fosse o teu último dia
Marcarias a diferença ao curar um coração partido?
Sabes que nunca é tarde demais para desejar as estrelas
Independentemente de quem tu és
Por isso faz o que for preciso
Porque não podes rebobinar um momento nesta vida
Não deixes nada atrapalhar o teu caminho
Pois o tempo nunca está do teu lado

Se hoje fosse o teu último dia
Se amanhã fosse tarde demais
Poderias dizer adeus ao ontem?
Viverias cada momento como se fosse o último?
Deixarias velhas fotos no passado?
Doarias cada centavo que tens?
E ligarias para todos os teus velhos amigos que nunca vês?
Recordando velhas memórias
Perdoarias os teus inimigos?
Encontrarias com quem sonhas?
Jura por Deus
Que finalmente te apaixonarias
Se hoje fosse o teu último dia
Enviar um comentário